Arquivos negócio - Seja Evo
Navegando Tag

negócio

Destaque Dicas para seu negócio

Networking para negócios: entenda o que é e saiba como começar

Veja como trabalhar o seu Networking mesmo sendo dono de um pequeno negócio:

Você, como empreendedor, sabe da importância de manter o seu negócio em destaque no mercado, não é mesmo? Por isso, hoje vamos falar sobre o “Networking” e as principais vantagens dele para o seu pequeno negócio. 

O QUE É NETWORKING? 

O termo em inglês é utilizado para definir as relações entre pessoas ou empresas que compartilham de um mesmo objetivo: a troca de informações ou influências. 

Como funciona isso? 

Basicamente, você começa a criar uma “rede de contatos” e com isso, consegue se manter informado sobre o que está rolando no mercado. Isso pode gerar até mesmo trocas de favores, ideias e estratégias novas para o seu negócio.

Tá, mas como eu começo a fazer networking? 

A resposta é fácil: basta manter contato com outros profissionais da área, parceiros ou até mesmo fornecedores. 

Você também pode aproveitar oportunidades como a participação em eventos ou grupos nas redes sociais para conhecer mais pessoas e ir ampliando a sua rede de contatos. 

Com isso, você provavelmente começará a adicionar o pessoal nas redes sociais como Facebook, Instagram ou Linkedin, mas é legal lembrar de prestar atenção no que eles estão dizendo e tentar participar de conversas que sejam ricas tanto para você quanto para eles. 

O importante aqui é criar um relacionamento que seja benéfico para todos.

Seja respeitável ao tentar interagir com estes profissionais, pergunte coisas sobre a vida e negócios deles e não fale logo de primeira sobre o seu negócio e suas intenções. Lembre-se: a primeira impressão é a que fica! Então não tente vender o seu peixe na primeira oportunidade, mostre-se prestativo e como uma pessoa de influência também. 

SIGA O PASSO A PASSO

Fizemos um checklist para te ajudar a começar a trabalhar no seu networking! 

  1. Retome o contato com fornecedores e parceiros
  1. Monte um material de divulgação da sua empresa como cartões de visitas, flyers ou folders
  1. Comece a participar de eventos relacionados ao mercado do seu negócio e aproveite os materiais de divulgação para deixar o seu contato com as pessoas que você conhecer nos eventos
  1. Participe de grupos no Facebook ou Linkedin que possuam temas do seu interesse e que possam ajudar o seu negócio a crescer
  1. Mantenha-se em contato com toda a sua rede de contatos compartilhando novidades sobre o seu negócio ou do mercado. 

Você também pode ler um pouco mais sobre o processo de networking no portal do Sebrae. 😉 

O que achou da ideia de criar uma rede de contatos para divulgar o seu negócio? Legal né? Aproveite e leia também: 

05 dicas para fazer o seu negócio bombar 

05 dicas para ajudar sua empresa em tempos de crise

Curiosidades Dicas para seu negócio Sem categoria

Técnicas de motivação de equipe para melhoria de resultados

Conheça técnicas de motivação de equipe para trazer mais resultados no seu ambiente de trabalho

Existem inúmeras técnicas utilizadas para a motivação de equipe, porém é preciso entender quais são as motivações pessoais de cada funcionário.

Entender cada necessidade de seu time são fatores que ajudam e permitem que se inicie um trabalho de motivação. Primeiramente é importante criar um ambiente propício para o colaborador, como por exemplo boa iluminação e higiene, equipamentos ou ferramentas, saúde e alimentação, trazendo total conforto a todos.

Além dos benefícios atribuídos a cada funcionário, vamos citar iniciativas para o líder implementar em sua equipe e motivar o ambiente de trabalho.

Motivação de equipe

Demonstre interesse e atenção

Ser atencioso, respeitoso e imparcial promove afeto e aproxima os colaboradores, o que acabará refletindo no desempenho da equipe. Reserve um momento do dia ou da semana para conversar com a equipe, demonstrando interesse em auxiliá-la ou orientá-la. Quando uma equipe se sente importante e respeitada, tende a se motivar.

Esclareça quais as funções de cada integrante da sua equipe

Criar planos e estratégias para envolver a equipe a fim de mostrar a real importância de cada um no setor e seu papel a cumprir na empresa. Mostrar para cada colaborador  como deve ser seu desempenho e valorizar atitudes assertivas é muito importante.

O(A) líder, apresentando comportamentos como estes, faz com que seus funcionários se sintam reconhecidos, aumentando sua motivação e empenho no trabalho.

Aproxime as equipes

União entre as equipes traz motivação,sempre que puder reúna cada equipe, mesmo que seja de outros setores e expresse todas as dificuldades encontradas no dia a dia, propondo um diálogo agradável e empático.

Incentive as ideias e iniciativas dos colaboradores

Conhecer as opiniões e sugestões dos seus funcionários transmite reconhecimento e valorização, uma das maneiras de coletar sugestões e novas ideias de seus colaboradores é manter uma comunicação fluida com seu time.

Benefícios e parcerias

Uma prática, que muitas vezes é esquecida nas empresas,  é apresentarem propostas de incentivo para estudos, bolsas, desconto em cursos, em academias, restaurantes e cinemas.

Seja o exemplo

Cumprir com sua palavra e objetivos é também uma maneira de motivação da equipe, um(a) líder que mostra o seu trabalho, que participa e não passa o tempo apenas dando ordens, é muito mais valorizado pelo time, que acaba seguindo o exemplo.

Definição de metas e retorno de informações

Estabelecer metas ou novos projetos incentiva , incentiva os funcionários, minimiza tempo ocioso e contribui grandemente para os resultados positivos da empresa, que após obtidos, devem ser compartilhados com a equipe por meio de felicitações e elogios e outras formas de reconhecimento.

Festeje as conquistas

Quando um projeto for finalizado com resultados positivos, sair para celebrar a conquista pode ser parte do trabalho de motivação, além de inspirar a equipe a manter sua performance para novas conquistas na empresa. 

giphy (1).gif

Quer ter conteúdo informativo e qualificado?  Siga nossas redes ou acesse nosso blog:  EVO

siga-nos também em nossas redes:

Instagram

Facebook

Curiosidades Dicas para seu negócio

Microempreendedor para Microempresa: quando e como mudar

Saiba todos os passos para mudar de Microempreendedor para Microempresa

Se você ainda não sabe quando e/ou como mudar de microempreendedor para microempresa, não se preocupe, estamos aqui para te ajudar!

Para os novos empresários é muito comum eventualmente surgirem algumas dúvidas sobre este assunto e vamos solucionar algumas delas para você nesse post!

Antes de tudo é importante que esteja bem clara a diferença entre os dois modelos de formalização. Veja no quadro abaixo:

Microempreendedor
  1.  Regime tributário mais simples e devido ao recolhimento simplificado dos impostos, tende a ser uma ótima opção.
  2. Os impostos são calculados a partir do lucro efetivo adquirido no ano de exercício.
  3. A contabilização dos tributos é feita a partir de uma tabela pré-definida. 

Qual o momento certo de mudar?

A melhor forma de saber se está na hora de mudar de microempreendedor para microempresa é com base no seu faturamento. Quando o limite ultrapassa R$ 81.000,00 e estima-se que a receita da nova formalização fique abaixo de R$ 360 mil por ano, automaticamente passa a corresponder à categoria ME e para isso é necessário solicitar um novo enquadramento.

Quando serão considerados alguns pontos: 

1º  Se o faturamento foi maior que R$ 81 mil por ano, seu negócio deverá ser formalizado como ME por meio de contrato social, na Junta Comercial. Como empresário, você poderá optar por um dos 3 regimes tributários disponíveis.

Os valores recolhidos serão proporcionais ao faturamento e existem limites pré definidas para categorizar as receitas. Assim  para casos em que o faturamento ultrapasse determinado limite padrão, os percentuais aplicados serão alterados. Você pode entender mais sobre isso neste link: (colocar um link que tenha uma boa matéria sobre o assunto) 

Então após conhecer e analisar as variáveis, você deve realizar a solicitação no Portal do Simples Nacional, onde um código de acesso será gerado para dar andamento ao registro do seu empreendimento, conforme o perfil da sua empresa. Enfim, basta se preparar para começar uma nova fase de sucesso!

IMAGEM2EVO

Além da migração por faturamento, certamente existem outras situações no seu negócio que também poderão te impulsionar a mudar de microempreendedor para microempresa:

  • Quando sua empresa expandir e for necessário abrir uma filial
  • Se você desejar se tornar sócio ou administrador de outro negócio.
  • Se o seu ramo de atuação não estiver dentro das ocupações permitidas.
  • Quando for necessário contratar mais de 01 colaborador.


Portanto para realizar a migração da sua formalização, por um dos motivos citados acima, consulte as informações no portal do SEBRAE, lá você encontrará todas as instruções necessárias para a transição do seu negócio. 

Afinal o que achou dessas dicas? Esperamos que tenha gostado.
Para ficar por dentro de mais informações sobre gestão de empresas e empreendedorismo, confira nossos outros posts: 

Como aumentar o fluxo de caixa do seu negócio

06 dicas de gestão financeira para pequenos negócios

05 dicas de como evitar fraudes com cartão na sua loja

Destaque Dicas para seu negócio

Aprenda a fazer um plano de negócio

“Um plano de negócio é um documento que descreve os objetivos de um negócio e quais passos devem ser seguidos para que esses objetivos sejam alcançados, diminuindo os riscos e as incertezas. Um plano de negócio permite identificar e restringir seus erros no papel, ao invés de cometê-los no mercado” (Sebrae).

plano de negócio 2019

Você quer explorar novas maneiras de fazer o seu negócio crescer? Para isso, é necessário planejamento. Antes de finalizar o ano, é essencial que você faça o seu plano de negócio para o próximo ano. Faça as seguintes perguntas:

  • O que deu certo, o que atraiu mais clientes para a sua loja, o que trouxe mais lucros?
  • O que não deu certo e não deve ser repetido?
  • Quais melhorias posso fazer dentro do meu estabelecimento ou produto/serviço?

Análise SWOT

Depois de pensar bem nestas perguntas, separe em uma folha os seus principais erros e acertos. Feito isso, prepare-se para iniciar o seu plano de negócio começando pela análise SWOT – sigla conhecida como Forças (Strengths), Fraquezas (Weakness), Oportunidades (Opportunities) e Ameaças (Threats).

Esta análise ajuda a ampliar sua visão sobre o seu empreendimento e atentar-se a aspectos que possam interferir diretamente no seu negócio.

Vamos começar então pelas forças e fraquezas, fatores que dependem diretamente de você e de sua equipe, elementos que estão sob o seu controle, ou seja, você pode decidir sobre eles.

plano de negócios

As forças estão relacionada às vantagens que sua empresa possui em relação aos seus concorrentes. São as aspectos mais fortes de sua empresa. Para defini-las, responda perguntas como as relacionadas abaixo:

  • Quais os seus melhores produtos?
  • Quais seus melhores recursos?
  • Qual seu maior diferencial competitivo?
  • Qual o nível de engajamento dos clientes?

Já as fraquezas, são aqueles aspectos internos que  podem prejudicar, de alguma maneira, o andamento do seu negócio e você pode encontrá-las utilizando os seguintes exemplos de perguntas:

  • Produto altamente perecível;
  • Matéria prima escassa;
  • Equipe desmotivada;
  • Tecnologia ultrapassada;
  • Processo de entrega deficitário.

O próximo passo é encontrar as oportunidades e ameaças inerentes ao seu negócio, são fatores externos que, não dependem diretamente de você ou da sua empresa mas, podem interferir positiva ou negativamente no seu negócio.

como fazer um plano de negócios
ccccomo fazer plano e

As oportunidades são aqueles aspectos que indicam benefícios e crescimento, que podem ser explorados e aproveitados, como por exemplo:

  • Algum modismo esporádico que aumente o consumo de seu produto;
  • Datas comemorativas
  • Acesso à uma novas tecnologias;

Ao contrário das oportunidades, as ameaças são forças externas que interferem negativamente e devem ser tratadas com cuidado, pois podem prejudicar seus resultados. É importante então, estudar alternativas que previnam os impactos que estes aspectos podem causar, veja abaixo alguns exemplos de ameaças:

  • Novos competidores;
  • Perda de trabalhadores fundamentais;
  • Mudança de Leis e parâmetros regulamentadores;

Para realizar a análise da sua empresa é legal reunir sua equipe para que façam juntos, quanto mais pontos vocês conseguirem encontrar mais completa e esclarecedora será sua análise. Também é importante incluir no seu plano de negócio, a realização de uma pesquisa de mercado – para se atentar ao que os seus concorrentes estão fazendo e também para identificar tendências podem ser aproveitadas.

Defina os seus objetivos para o próximo ano

O processo de definição da sua SWOT e da pesquisa de mercado são importantes para  uma visão do cenário atual e um panorama de onde sua empresa pode chegar em um ano. Dessa forma, é mais fácil definir quais serão os objetivos para o seu negócio este ano e de que maneira você pode alcançá-los.

Exemplo:

Objetivo: a empresa tem como objetivo para o ano X o aumento do faturamento bruto em 15% em relação ano Y.

boa-ideia-negocio

Plano de ação: criar uma página no Facebook e um perfil no Instagram até Fevereiro/ Março para divulgação, promoção, relacionamento e acessibilidade da empresa e de seus serviços.

Planejar ajudará a entender melhor os produtos e os serviços a serem oferecidos pela sua empresa, bem como possíveis clientes, concorrentes, fornecedores e muito mais.

E o mais importante, com o seu plano de negócio pronto, você saberá responder se vale a pena iniciar, manter ou ampliar o seu negócio. Para quem quer ainda mais facilidade na hora de montar o seu plano de negócio, o Sebrae disponibiliza um link com um documento para download que é só você preencher de acordo com a sua SWOT e objetivos.

Acesse: http://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/artigos/como-elaborar-um-plano-de-negocio

Gostou das nossas dicas de hoje? Aproveite e curta nossa página no Facebook e no Instagram para acompanhar mais novidades:

Destaque Dicas para seu negócio

Como usar o Whatsapp para negócios no seu dia a dia

whatsapp-para-negocio

Hoje, o WhatsApp é um dos aplicativos mais utilizados pelos brasileiros. Ele possibilita inúmeros tipos de interação, tanto que todo mundo usa o aplicativo o tempo inteiro.

Com o whatsapp para negócios, você tem a oportunidade de gerar mais vendas e fortalecer o relacionamento com os seus clientes de forma simples, gratuita e com chances muito mais assertivas de leitura das mensagens. Saiba como usar o Whatsapp para negócio com as dicas abaixo:

whatsapp para negócios

WhatsApp para negócios

check
Separe um número exclusivo para atender seus clientes:

É importante ter um número específico para atender seus clientes, evitando fazer isso com o seu WhatsApp pessoal, isso ajudará a gerir os seus atendimentos de maneira mais eficaz!

check
Deixe uma pessoa responsável para o atendimento via whatsapp:

Caso você não consiga administrar os atendimentos sozinho, tenha alguém para manter este canal de comunicação funcionando efetivamente. Clientes que optam por este canal de comunicação costumam esperar atendimento rápido, objetivo e garantir essa agilidade mostrará que você dedica esforços para oferecer o melhor ao seu cliente não só em sua loja física, mas também em seus canais digitais.

check
whatsapp para negóciosDivulgue o número do seu WhatsApp comercial em suas redes sociais e em sua loja:

Divulgar é essencial se você deseja prosperar o seu negócio! Para atrair mais clientes divulgue também o seu WhatsApp comercial nas redes sociais, em seu site, em materiais promocionais impressos ou mesmo em embalagens de produtos. Dessa forma, você ampliará suas possibilidades de prospecção de clientes.

check
Peça a autorização dos seus clientes para realizar o atendimento via WhatsApp:

Pergunte ao cliente se pode contatá-lo por meio do WhatsApp, hoje muitas pessoas preferem este canal. Sempre que alguém falar com você, pelo seu número comercial, atenda-o com prontidão e gentileza, aproveite e peça autorização ao cliente também para o envio de promoções e outros conteúdos nesta plataforma.  

check
Aproveite esta rede para divulgar promoções e outras novidades:

Após criar uma lista de clientes no Whatsapp comercial você pode divulgar novas promoções ou outras novidades para atraí-los ao seu estabelecimento novamente. Procure trabalhar com imagens ou até mesmo vídeos sobre seus produtos / serviços eventualmente, o cuidado com a frequência é essencial! Evite abusar da divulgação enviando mensagens todos os dias para os clientes, pois é provável que possuam o aplicativo principalmente para uso pessoal e enchê-los de propagandas pode afastá-los ou até mesmo fazer com que bloqueiem seu número. Tente divulgar algo novo uma vez por mês, por exemplo, assim não fica cansativo, dificilmente incomoda e as chances de resultados positivos serão maiores

check
whatsapp para negócios - salvar contatosRegistre os seus novos contatos em outro local:

Para ter mais segurança e não perder os contatos do Whatsapp é importante que você separe uma agenda ou mesmo um arquivo em excel para registrar todos os contatos e dados de seus clientes, assim você terá menos chances de perdê-los em casos de roubo ou problemas no seu celular.

Whatsapp: https://www.whatsapp.com/

Ao usar o WhatsApp como uma nova ferramenta de divulgação e atendimento, você notará que os seus clientes ficarão muito mais satisfeitos e ainda poderão recomendar os seus serviços a outras pessoas. E aí, gostou das dicas? Comente aqui!

Confira também

Destaque Dicas para seu negócio

5 Dicas de como evitar fraude com cartão na sua loja

fraude-com-cartao

A fraude com cartão não é um problema só do consumidor, o comerciante igualmente enfrenta situações de fraudes no seu dia-a-dia, seja no ambiente físico ou mesmo em e-commerces, onde as compras são online. Mesmo que aceitar cartões de crédito seja uma alternativa mais rápida e segura atualmente, este meio de pagamento pode estar sujeito a fraudes e por isso é importante que você, como comerciante, esteja atento para evitar que isso ocorra no seu estabelecimento. Saiba como evitar as fraude com cartão na sua loja com as dicas abaixo:

fraude-com-cartao

1. Verificar o cartão

Quando o cliente realizar o pagamento de uma venda, lembre-se de verificar se o cartão pertence mesmo a pessoa que o está apresentando. Uma forma de fazer isso é solicitar a identidade do seu cliente e comparar com o nome do titular do cartão que foi apresentado. Também é importante verificar as características do cartão do cliente e os elementos de segurança, como alguma alteração suspeita no chip ou na validade do cartão.

2. Maquininha de cartão

Lembre-se de entregar a maquininha ao cliente somente no momento da  digitação da senha. Isso ajudará a evitar que o cliente aja de má fé e altere o valor que você inseriu na maquininha, por exemplo. Caso o cartão utilizado não tenha chip, não deixe de solicitar a assinatura do cliente no comprovante da transação.

3. Compare o cartão e o comprovante

Sempre compare o cartão e o comprovante de pagamento. Os quatro últimos dígitos e a assinatura no verso do cartão, por exemplo, são informações que precisam ser iguais às que você terá após concluir a transação.

4. Suspeita de fraude

Em casos de suspeita de fraude com cartão, defina um procedimento para que sua equipe utilize, se necessário, evitando assim esta ocorrência no seu estabelecimento. Todo negócio precisa de um processo antifraude, como por exemplo, pedir a confirmação das informações de identificação para o cliente suspeito e verificar se estas estão corretas, outra solução é a instalação de câmeras para evitar casos em que o cliente cancela compras legítimas alegando não reconhecer a transação realizada com o seu cartão, câmeras instaladas no estabelecimento desestimulam esta prática, uma vez estando o cliente ciente de que suas compras serão gravadas, não poderá alegar desconhecimento do uso do cartão.

5. Fique de olho

Fique de olho no comportamento dos seus colaboradores: a maioria dos casos de fraude com cartão acontece com funcionários que já estão familiarizados com as dinâmicas internas do estabelecimento.

Os clientes da EVO estão ainda mais seguros, já que possuímos o certificado PCI Compliance, essencial para empresas que lidam com meios de pagamento portanto seguimos diversas diretrizes que garantem a segurança das informações e reforçam a confiança dos nossos clientes. Saiba mais sobre as soluções e benefícios da EVO: acesse o nosso site!

www.sejaevo.com.br

Aproveite e curta nossa página no Facebook e no Instagram para acompanhar as nossas novidades:

Confira:

Dicas para seu negócio

5 dicas para vender mais no Dia das Mães

Para que o seu negócio seja lembrado pelo consumidor, é preciso investir em eventos sazonais como o Dia das Mães, que é uma das datas mais importantes principalmente para o setor de varejo.

Confira algumas dicas de como vender mais no Dia das Mães:

vender dia das maes

Como vender mais no Dia das Mães

Valorize o seu cliente:

Tenha em mente que o seu atendimento é um dos fatores determinantes para concluir uma venda, ainda mais em datas comemorativas.

Escute o seu cliente e ofereça o melhor produto ou serviço que corresponda ao que ele procura para o Dia das Mães, você também pode sugerir outros produtos,  mesmo que o cliente já tenha uma ideia pré definida do que comprar.

Seus vendedores precisam ter um conhecimento amplo sobre o que a sua loja oferece, para agregar ainda mais valor no momento das vendas.

E lembre-se também de que o seu consumidor quer se sentir especial, então tratá-lo com simpatia e prontidão faz toda a diferença.  

Não deixe de lado as promoções.

É importante colocar em prática algumas ações de desconto e fidelização dentro do seu negócio para atrair mais consumidores.

Você pode utilizar panfletos, banners em frente à loja ou até mesmo utilizando redes sociais e e-mails marketing para divulgar as promoções de Dia das Mães para os seus clientes.

Planeje a localização dos produtos:

O seu ponto de venda precisa ter organização estratégica! Caso o seu negócio ofereça uma linha especial para as mães, é interessante você planejar o visual das suas gôndolas para que a loja fique ainda mais atrativa.

Os produtos com mensagens de amor, por exemplo, costumam ser os mais procurados, então você precisa deixá-los em um local que conceda destaque a eles.

Entretanto, uma forma legal de fazer isso é deixar expostos na vitrine, todos os produtos temáticos, banners e serviços exclusivos para o Dia das Mães.

Proporcione uma experiência positiva durante a sua venda:

É importante trabalhar a fim de, primeiramente, proporcionar uma experiência positiva para o consumidor e você pode fazer isso presentando-o com brindes no término do atendimento.

Essa ação facilita a venda e ainda faz o cliente divulgar a sua marca de forma natural e positiva.

Facilite as formas de pagamento:

É muito comum alguns comerciantes perderem uma venda devido a limitações na hora de realizar um pagamento.

Você pode aumentar suas vendas oferecendo mais flexibilidade para os seus consumidores com as soluções da EVO.

Com a maquininha EVO, você consegue aceitar as principais bandeiras dos cartões de crédito e débito e ainda economizar com as melhores taxas do mercado e impostos.

Com estas simples dicas, você conseguirá aumentar consideravelmente o seu volume de vendas no Dia das Mães e será lembrado por cada um de seus clientes de forma positiva.

Enfim, que tal começar a utilizar cada uma destas dicas na sua loja?

Caso queira saber mais sobre as soluções de pagamento da EVO, acesse o nosso site!

www.sejaevo.com.br

Curta nossa página no Facebook e no Instagram e acompanhe as novidades: